Mesmo após 20 anos de sua estreia, Pokémon é um grande sucesso. Seja nos jogos, animes, filmes e brinquedos lançados, a franquia se mostrou uma fonte de dinheiro para a Nintendo, uma de suas criadoras.

Publicidade

Alguns dos itens mais populares são suas cartas. Elas são usadas em um jogo em que os usuários colocam seus ‘monstros’ para batalhar em partidas com o objetivo de derrotar as cartas dos adversários. Como era de se esperar, há algumas cartas bastante raras que podem valer muito dinheiro.

É o caso da carta “Pikachu Illustrator” que, recentemente, foi leiloada em Nova York por incríveis US$ 195 mil (aproximadamente R$ 790 mil). De acordo com o site Kotaku, o item é um dos mais raros justamente por sua especificidade.

Publicidade

Foto: Invaluable

publicidade

Estima-se que trinta e nove dessas cartas foram distribuídas em 1997, mas que, atualmente, apenas dez delas existam. Ela foi dada como prêmio aos vencedores de um concurso de quadrinhos, realizado no Japão.

Uma carta dessas foi leiloada pela última vez em 2013. Entretanto, o valor conseguido foi bem menor do que o atual, US$ 54.970 (aproximadamente R$ 218 mil). Claramente, o item só aumentou de valor ao longo dos anos, com seu valor chegando a quatro vezes o valor pago em sua última venda. Com isso, o “Pikachu Illustrator” se torna a carta de Pokémon mais cara do mundo.

Publicidade

Apenas para evidenciar ainda mais seu valor, em agosto deste ano, um colecionador comprou um conjunto de 103 cartas de Pokémon por US$ 107 mil (aproximadamente R$ 425 mil). Uma única carta consegue ser mais valiosa que um conjunto.

Card raro

Em julho, um outro card foi vendido por um valor bastante alto no eBay. A carta é uma nº 3 de treinador e possui uma imagem holográfica do Mewtwo na frente. Ela foi distribuída como prêmio para quem ficou em terceiro lugar em um torneio realizado no Japão em 1999. O exemplar em questão, foi vendido por US$ 60 mil (aproximadamente R$ 238 mil).

Publicidade

Por azar de seu comprador, o cartão desapareceu no correio e, até o momento, não foi recuperado. Quem adquiriu o item ofereceu uma recompensa de mil dólares para quem ajudasse a encontrar o card.

Publicidade