A Oppo divulgou produtos conceituais no Dia da Inovação em Shenzen, na China. Os destaques foram os novos óculos RA e o assistente doméstico 5G. Porém, a grande estrela do show foi a câmera de selfie escondida abaixo da tela. Essa pode ser uma grande mudança na tecnologia, já que as empresas tentam deixá-las cada vez menores para atrapalhar a tela.

Publicidade

A nova tecnologia utiliza um material transparente ultrafino e uma nova estrutura de pixels acima da câmera, que permite que a luz passe através do vidro e entre na lente. A Oppo afirma que uma abertura e um sensor mais amplo são necessários para capturar luz suficiente após serem filtrados pela câmera. Á medida que os sensores maiores e de resolução mais alta se tornam mais populares, isso não deve ser um problema por muito tempo.

Com um papel de parede colorido e com um ângulo errado, é possível ver a caixa da câmera. Porém, na maioria das condições, é completamente invisível. Isso pode acabar com os entalhes nos celulares. Os primeiros, como do iPhone X, eram grandes e quebravam a simetria do smartphone.

Publicidade

Isso levou algumas fabricantes a pensar em outras possibilidades. A OnePlus, por exemplo, fez seu modelo com câmeras pop-up, que ficam escondidas e sobem apenas na hora que for acionada. Porém, ninguém resolveu o problema de esconder completamente a câmera de selfie.

publicidade

O protótipo ainda apresenta alguns problemas, como a visibilidade da câmera em algumas ocasiões ou ao implementar grandes barras pretas na parte superior e inferior da tela para ocultar a câmera durante o uso. Para que a imagem preencha a tela inteira, seria necessário descobrir uma maneira de filtrar a cor do pixel iluminado na direção da câmera.

Independente disso, a tecnologia começa a avançar e é possível que, em pouco tempo, as fábricas comecem a pensar mais no assunto e desenvolver métodos para que a câmera de selfie se torne, enfim, invisível.

Publicidade

Via: Android Authority