A tarifa dinâmica é de longe um dos pontos mais impopulares do Uber, mas a empresa pensa ter encontrado uma solução. Trata-se do Ride Pass, um serviço de assinatura anunciado nesta terça-feira, 30, que fará com que o usuário deixe de pagar a variação nas corridas. O plano começará por US$ 15 (R$ 55) e estará disponível somente em algumas cidades dos Estados Unidos inicialmente.

De forma geral, o Ride Pass funciona como um “seguro” contra a tarifa dinâmica. O usuário continuará pagando as suas corridas normalmente, mas não terá que se preocupar com coisas como disponibilidade de motoristas, clima, trânsito ou outros fatores que façam o preço subir. Além disso, o Uber garante que as tarifas serão baseadas em dados históricos da cidade, prometendo economizar em média 15% do gasto mensal com corridas.

publicidade

O Ride Pass poderá ser assinado facilmente dentro do aplicativo e o usuário poderá acompanhar, em tempo real, o tamanho da sua economia. Segundo a empresa, o plano mensal é renovado automaticamente e o indivíduo pode cancelar a qualquer momento. O Uber promete ainda que adicionará vantagens para os usuários das bicicletas elétricas em Los Angeles.

ReproduçãoPor enquanto, o serviço de assinatura estará disponível somente em cinco cidades dos Estados Unidos: Miami, Austin, Los Angeles, Orlando e Denver. O Uber garante que arcará com todos os descontos, sem influenciar nos ganhos dos motoristas. Ainda não há informações sobre lançamento no Brasil.

publicidade