O ano de 2019 será marcado por uma série de conquistas no espaço; há muito o que se comemorar. A China pousou, pela primeira vez na história da humanidade, uma espaçonave no lado oposto da Lua. Uma sonda japonesa recuperou amostras da superfície de um asteroide – duas vezes. A SpaceX lançou seu novo veículo de tripulação… mas ainda sem tripulação; e a empresa de Elon Musk também estreou o primeiro protótipo de sua nave estelar.

Publicidade

Mas, para cada conquista, parece que houve um grande fracasso no ano. Confira uma lista com cinco grandes falhas espaciais de 2019.  

1. A falência da Mars One

Publicidade

Um grupo holandês conseguiu convencer um grupo de investidores a despejar dezenas de milhões de dólares em um plano para enviar os primeiros humanos a Marte. A ideia era estabelecer uma colônia no Planeta Vermelho. Sim, uma viagem só de ida. Seria uma viagem de ida. Na verdade, os planos pareciam estranhos e insuficientemente financiados. O esforço de relações públicas foi impressionante, mas a organização não estava desenvolvendo sua própria arquitetura de voo espacial e simplesmente presumiu que seria capaz de obter tudo o que precisava no mercado comercial. A Mars One declarou falência em 15 de janeiro.

publicidade

Reprodução

2. Sonda israelense cai na Lua

Publicidade

A startup israelense SpaceIL foi fundada em 2011 em uma competição para lançar uma missão robótica na superfície da lua. Embora o concurso tenha terminado sem um vencedor, a SpaceIL seguiu em frente com a proposta em uma parceria com a própria Agência Espacial Israelense. A sonda Beresheet chegou perto do sucesso, mas, infelizmente, caiu antes de aterrissar na superfície lunar em 11 de abril.

Reprodução

3. Espaçonave da SpaceX explode durante o lançamento

Publicidade

Em 20 de abril, a SpaceX se preparava para um teste padrão dos motores da espaçonave Crew Dragon. Foi quando algo deu muito errado e a cápsula pegou fogo e foi completamente destruída. Mais tarde, a empresa de Elon Musk descobriu que o problema foi originado em uma válvula propulsora com vazamento.

Reprodução

4. As tentativas frustradas do Irã

Publicidade

Foram três falhas de lançamento do programa espacial do Irã em um único ano. A última tentativa, em agosto, foi a mais devastadora. Em missões malsucedidas realizadas em janeiro e fevereiro, os foguetes não conseguiram atingir a órbita terrestre. Mas no dia 29 de agosto o foguete sequer decolou. Uma explosão na barra de lançamento destruiu o pequeno foguete Safir e toda sua carga útil.

Reprodução

5. Módulo lunar indiano bate na Lua

Publicidade

A Índia seria a quarta nação na história a pousar uma espaçonave na superfície lunar. Sua missão Chandrayaan-2 alcançou a órbita lunar um mês antes do previsto, e a agência espacial da Índia estava pronta para enviar seu módulo Vikram para investigar as lendárias reservas de gelo na água da Lua. Não deu certo. Em 6 de setembro, o veículo caiu e se perdeu para sempre.

Reprodução

Fonte: MIT Technology Review

Publicidade