A popularidade de smartphones com múltiplas câmeras traseiras foi uma benção, mas também uma fonte de preocupação para os fabricantes de sensores como a Sony. Segundo a Bloomberg, as fábricas da empresa estarão trabalhando sem parar neste fim de ano pelo segundo ano consecutivo para atender a demanda.

Publicidade

A empresa dobrou seus investimentos no setor neste ano fiscal, para o equivalente a US$ 2,6 bilhões, e também está construindo uma nova fábrica que deve começar a operar em abril de 2021.

Mas estes esforços podem não ser o bastante. Segundo o chefe da divisão de semicondutores da Sony, Terushi Shimizu, a produção ainda pode ficar aquém da demanda.

Publicidade

“A julgar pela maneira como as coisas estão indo, mesmo depois de todo esse investimento em expansão de capacidade, ainda pode não ser suficiente”, disse Shimizu. “Estamos tendo que pedir desculpas aos clientes porque simplesmente não podemos produzir o bastante”.

publicidade

De acordo com a Bloomberg, não é só a Sony que está sofrendo com o pico na demanda. A Samsung, outra empresa importante no setor, também teve de aumentar a produção.

Fonte: Android Authority

Publicidade