A maioria dos fabricantes de Android utiliza chips Snapdragon da Qualcomm para alimentar seus aparelhos. A exceção fica por conta da Huawei, que possui seu próprio processador, e a Samsung, que utiliza o Exynos, de fabricação própria, em alguns de seus smartphones. Porém, rumores recentes apontaram que a maioria dos variantes do Galaxy S11 usariam o Snapdragon 865, já que a empresa sul-coreana acredita que ele é melhor que o seu Exynos 990.

Publicidade

Ao mesmo tempo, a Samsung pretende aumentar seu investimento na fabricação dos processadores, e a única maneira de conseguir isso seria recebendo a fabricação dos chips da Qualcomm. Agora, novos rumores afirmam que, para manter sua liderança no segmento, a empresa pode não utilizar o Snapdragon 865, da Qualcomm.

Isso aconteceria, não porque a Qualcomm acredita que a fabricante de Taiwan é melhor, mas sim porque não deseja que a Samsung conheça seus segredos comerciais e se baseie neles para melhorar o Exynos. Os chips intermediários Snapdragon 765 e Snapdragon 765G ainda serão fabricados pela Samsung.

Publicidade