O jornal americano The Hill divulgou essa semana uma carta do Facebook endereçada aos senadores dos Estados Unidos, onde admite que monitora a localização de todos os usuários, inclusive aqueles sem a ativação dos serviços de geolocalização.

Publicidade

O motivo, segundo a rede social de Mark Zuckerberg, seria segurança e também publicidade. A rede social consegue obter todos os tipos de dados pessoais sobre os usuários de diversas formas: pelo próprio Facebook, além de Instagram, Messenger ou por meio do WhatsApp. Estes dados são usados para disseminar a publicidade da empresa em grande escala.

Publicidade