Uma foto de gotículas de silicone levou o título de fotografia do ano em um concurso promovido pela The Royal Society, uma instituição destinada à promoção do conhecimento científico no Reino Unido e Comunidade das Nações. Produzida pelo fotógrafo e físico Dr. Aleks Labuda, a imagem mostra um análogo hidrodinâmico para um sistema quântico.

Publicidade

As gotículas estão suspensas sobre uma placa de petri contendo óleo de silicone, colocada sobre um alto-falante que emite uma frequência de 15 Khz. As ondas geradas pelo contato delas com a superfície são análogas às ondas mecânicas que orientam a dinâmica de partículas em um sistema quântico. O sistema mostra uma dualidade: as gotículas se movem como partículas quânticas, mas se comportam como ondas quânticas.

Segundo a The Royal Society, a foto foi escolhida pois “na melhor tradição de grandes fotos científicas, o espectador fica ao mesmo tempo espantado com a imagem e depois surpreso com a história por trás dela”.

Publicidade

Reprodução 

publicidade

Algumas das imagens vencedoras da competição

A competição recebeu fotos do mundo todo, divididas nas categorias “Astronomia”, “Comportamento”, “Ciências da Terra” e “Ecologia”. As vencedoras, bem como as principais concorrentes, podem ser vistas no site da instituição.

Publicidade

Fonte: Science Focus

Publicidade