Humanos e outras espécies enxergam o mundo de maneiras diferentes, desde tons de cores distintos até padrões e níveis de brilho. Com o intuito de mostrar como os animais veem as coisas, um grupo de pesquisadores lançou um software de código aberto chamado Quantitative Color Pattern Analysis (QCPA). 

Publicidade

“Criamos um software que permite aos usuários captar imagens digitais, filtrar informações visuais que os animais contêm de acordo com as limitações dos sistemas de perspectiva deles, analisar esses dados para obter informações altamente detalhadas sobre o design e, finalmente, visualizá-las”, afirmou Cedric van den Berg, criador da tecnologia, ao Digital Trends

Publicidade
Apesar de o projeto provavelmente ser requisitado por muitas pessoas somente pela curiosidade, ele pode fornecer informações valiosas aos cientistas. Por exemplo, saber como os animais percebem o mundo pode ajudar a entender melhor os mecanismos de camuflagem e cores de aviso que eles emitem para defesa. Além disso, a tecnologia possibilita obter mais informações sobre modos de sinalização sexual e indicadores territoriais. 
 
Entretanto, não é somente a ciência que pode se beneficiar do QCPA. Novas ferramentas voltadas para o mundo animal podem obter dados do software para facilitar a compatibilidade do objeto com os animais. “Estamos vendo novas aplicações o tempo todo, à medida que os usuários adotam a estrutura e começam a usá-la”, revelou van den Berg. 
 
Um artigo que descreve o estudo, o qual resultou na criação do trabalho, foi publicado na revista científica Methods in Ecology and Evolution, na segunda-feira (2).