À medida que a Nasa avança com sua missão rumo à Lua, Marte e além, o desenvolvimento de tecnologias de primeira linha é fundamental para o sucesso. Com a ênfase na exploração lunar e investigação científica, o desejo de levar uma grande variedade de cargas à Lua é cada vez maior.

Publicidade

Várias dessas cargas exigirão veículos capazes de explorar o meio ambiente – como um rover – para alcançar seus objetivos científicos. Para se preparar para essas missões, a Nasa realizou vários estudos para identificar e examinar as tecnologias necessárias não apenas para alcançar, mas para coletar dados valiosos da Lua.

Em um estudo recente, a agência desenvolveu um conceito para um veículo de pouso (lander) de médio porte que levaria um rover as regiões polares da Lua. Esse design concentra-se na demonstração de um veículo de pouso lunar de alta precisão e capaz de transportar grande quantidade de carga útil.

Publicidade

“Este lander foi projetado com simplicidade em mente para levar um rover de 300 kg a um dos polos da Lua”, disse Logan Kennedy, engenheiro de sistemas líder do projeto no Marshall Space Flight Center da Nasa em Huntsville, Alabama.

publicidade

“Usamos mecanismos mínimos e a tecnologia existente para reduzir a complexidade, embora avanços no pouso de precisão tenham sido planejados para evitar perigos e beneficiar as operações da sonda. Mantemos o rover intacto durante o trânsito e o pouso, para que ele possa fazer seu trabalho”.

Vários laboratórios da Nasa contribuíram para esse esforço complexo. À medida que a Nasa se volta para parceiros comerciais para pousar instrumentos científicos – e eventualmente humanos – na superfície da Lua, as empresas poderão se beneficiar do trabalho que a agência já fez.

Publicidade

Fonte: Nasa

À medida que a Nasa avança com sua missão rumo à Lua, Marte e além, o desenvolvimento de tecnologias de primeira linha é fundamental para o sucesso. Com a ênfase na exploração lunar e investigação científica, o desejo de entregar uma grande variedade de cargas à Lua é cada vez maior.

Várias dessas cargas exigirão veículos capazes de explorar o meio ambiente – como um rover – para alcançar seus objetivos científicos. Para se preparar para essas missões, a Nasa realizou vários estudos para identificar e examinar as tecnologias necessárias não apenas para alcançar, mas para coletar dados valiosos da Lua.

Publicidade

Em um estudo recente, a agência desenvolveu um conceito para um veículo de pouso (lander) de médio porte que levaria um rover as regiões polares da Lua. Esse design concentra-se na demonstração de um veículo de pouso lunar de alta precisão e capaz de transportar grande quantidade de carga útil.

“Este lander foi projetado com simplicidade em mente para levar um rover de 300 kg a um dos polos da Lua”, disse Logan Kennedy, engenheiro de sistemas líder do projeto no Marshall Space Flight Center da Nasa em Huntsville, Alabama.

“Usamos mecanismos mínimos e a tecnologia existente para reduzir a complexidade, embora avanços no pouso de precisão tenham sido planejados para evitar perigos e beneficiar as operações da sonda. Mantemos o rover intacto durante o trânsito e o pouso, para que ele possa fazer seu trabalho”.

Publicidade

Vários laboratórios da Nasa contribuíram para esse esforço complexo. À medida que a Nasa se volta para parceiros comerciais para pousar instrumentos científicos – e eventualmente humanos – na superfície da Lua, as empresas poderão se beneficiar do trabalho que a agência já fez.

Fonte: Nasa

https://www.nasa.gov/centers/marshall/news/news/releases/2019/nasa-shares-mid-sized-robotic-lunar-lander-concept-with-industry.html

Publicidade