Um táxi voador desenvolvido pela empresa alemã Volocopter fez um vôo de demonstração em Singapura na última terça-feira (22). Autônoma e alimentada por baterias, a aeronave é capaz de transportar duas pessoas, mas tinha apenas um piloto de segurança a bordo. O tempo total de vôo foi de 2 minutos e 30 segundos.

Publicidade

A empresa já fez testes em Dubai, Helsinki, na Alemanha e em Las Vegas, mas o teste de Singapura foi o primeiro no coração de uma grande metrópole. A empresa espera iniciar operação comercial de seu serviço em no máximo quatro anos, com o objetivo de auxiliar seus consumidores a evitar o tráfego congestionado das metrópoles asiáticas.

Publicidade

“Queremos levar o serviço a Jakarta, Manila e Bangkok porque eles tem uma grande necessidade dele. Índia e China também”, disse o CEO da Volocopter, Florian Reuter. Em Singapura os táxis voadores serão usados para fornecer viagens rápidas entre pontos específicos, como entre a Marina Bay e a ilha de Sentosa, um conhecido ponto turístico que também abriga vários hotéis de luxo.

publicidade

Apesar da tecnologia ainda estar em fase inicial de desenvolvimento, várias empresas estão de olho no mercado de ‘táxis voadores’ autônomos. Entre elas a Lilium, que recentemente testou um protótipo de sua aeronave, a japonesa NEC, a Boeing, a chinesa Ehang e a Kitty Hawk, fundada por um ex-executivo do Google.

Fonte: The Jakarta Post

Publicidade