A SpaceX marcou para o dia 2 de Novembro (próximo sábado) um novo teste de sua cápsula Crew Dragon, que irá levar astronautas até a Estação Espacial Internacional (ISS). Será um teste conhecido como ‘disparo estático’, quando a cápsula será amarrada ao solo e os propulsores de emergência, chamados SuperDraco, serão acionados.

Publicidade

Foi exatamente durante este teste que houve uma explosão em abril deste ano, resultando na destruição de uma das cápsulas. Segundo a empresa, o acidente foi causado por uma falha em uma válvula, que deixou propelente passar no momento errado. Os SuperDraco usam propelente hipergólico, composto por duas substâncias que entram em ignição imediatamente quando entram em contato. Uma vez acionado, o motor queima até todo o combustível se esgotar.

A SpaceX espera concluir o desenvolvimento da Crew Dragon até o final deste ano, e fazer o primeiro vôo tripulado para a ISS no início de 2020. A tripulação para a missão já foi selecionada: serão os astronautas Bob Behnken e Douglas Hurley, da NASA, ambos veteranos no espaço com três missões cada.

Publicidade

Fonte: CNBC