A Volvo anunciou hoje uma parceria com a empresa sueca de limpeza urbana Renova para criar um caminhão de lixo que dispense motoristas. O caminhão ainda necessitaria de operadores humanos para fazer seu trabalho, mas o esforço deles seria dedicado a coletar o lixo, e não guiar o veículo.

O caminhão de lixo autônomo da empresa seria capaz de se guiar até uma determinada rua com o motorista dentro dele. Chegando lá, o motorista sairia do veículo para coletar o lixo, mas o caminhão o seguiria em seu caminho de lixeira em lixeira. O caminhão também terá sensores que lhe permitirão detectar movimento e parar se, por exemplo, alguém se aproximar de sua traseira enquanto ele dá ré. O vídeo abaixo mostra-o em funcionamento:

Como os caminhões de lixo normalmente já fazem a mesma rota todo dia, eles seriam mais fáceis de se automatizar do que carros de passageiros, por exemplo. A rota dos caminhões poderia ser pré-programada e o motorista/coletor de lixo ficaria responsável apenas por garantir que ele avance pela rota num ritmo adequado para que todo o despejo seja coletado.

publicidade

Vantagens

De acordo com a empresa, a principal vantagem de um caminhão de lixo autônomo é a segurança – o veículo seria melhor do que motoristas humanos em detectar obstáculos e evitar acidentes. Mas os próprios trabalhadores também se beneficiariam, segundo a Volvo. No anúncio da novidade, o diretor de tecnologia da empresa, Lars Stenqvist, disse que “um dos importantes benefícios dessa nova tecnologia é reduzir o risco de acidentes de trabalho, como fraqueza nas juntas dos joelhos”.

Pode-se imaginar também que a Volvo esteja de olho em parcerias com empresas de limpeza urbana que queiram economizar dinheiro em mão de obra eliminando os motoristas de seus caminhões: afinal, cada caminhão de lixo exige ao menos duas pessoas para fazer o trabalho. A fabricante, contudo, não menciona essa redução de custo como uma das vantagens de sua tecnologia. Ela afirma que pretende continuar testando o sistema em 2017 e ainda não deu um cronograma para lançar a novidade.

Não se trata da primeira vez que a empresa investe em uma tecnologia desse tipo. A montadora alemã vem pesquisando métodos de automação para aumentar a segurança de motoristas ao menos desde janeiro de 2016, quando prometeu lançar carros “à prova de morte” até 2020. Para esse mesmo prazo, ela prometeu também lançar um carro totalmente autônomo.

Vamos esperar apenas que a Volvo tenha mais sucesso em sua automação do processo de coleta de lixo do que outras empresas que já se aventuraram por essa vereda (como a do GIF abaixo):