A Japan Airlines desenvolveu dois programas que usam o Microsoft HoloLens (óculos de realidade aumentada) para proporcionar formação suplementar para mecânicos de motores e para os estagiários da tripulação de voo que querem ser promovidos a copilotos.

Os funcionários serão treinados como se estivessem trabalhando num motor real ou na cabine de comando, colocando suas mãos nos motores e peças virtuais.

Até então, os trainees da tripulação de voo que estão estudando para serem promovidos utilizam, principalmente, painéis que exibem fotos de instrumentos da cabine de comando e switches para aprender os procedimentos operacionais nos estágios iniciais de sua formação.

Com o HoloLens, eles terão diante de seus olhos um holograma detalhado que irá mostrar dispositivos da cabine de comando e interruptores que eles podem operar, com orientação visual e vocal.

publicidade

“Acreditamos que o HoloLens pode contribuir para a segurança do nosso negócio, o critério mais importante para as companhias aéreas”, afirma Koji Hayamizu, diretor sênior do grupo de planejamento para o Departamento de Administração de Produtos e Serviços da JAL. Segundo o executivo, as experiências com o HoloLens ajudarão a converter a memória intelectual dos trainees em memória muscular.